As 4 Variáveis que levam os Treinadores ao Sucesso
Faça aqui, neste artigo, o diagnóstico da sua % em cada uma das 4 variáveis
(em apenas 4 minutos de leitura)

Como os treinadores estão a evitar ser despedidos e atingem o sucesso no final da época? 

Imagem
Eu sou o Trainer Carlos MSilva, e sou Mentor de Treinadores.
Depois de fazer mais de 2080 sessões de acompanhamento a treinadores em 2020
(sem contar que faço isto desde 2014), comecei a encontrar, as variáveis que levam os treinadores, a ter sucesso na carreira.

Vou aqui explicar o que encontrei, e
poderá fazer o seu próprio diagnóstico.

No final do artigo, deverá passar a ter consigo uma % do seu potencial neste momento, em cada uma das 4 Áreas.
João da Silva

TRAINER

Carlos MSilva

Coach de Treinadores Profissionais em Seleções e 1ºs Ligas da Europa.
Mentor de Treinadores aspirantes a Profissionais e da Formação.
Formador no Curso Profissão Treinador.
Autor da Comunidade Profissão Treinador.
Depois de trabalhar com mais de uma centena de treinadores, alguns que estão hoje nas seleções, outros na 1ª Liga de Portugal, pelas 1ª Ligas da Europa e outros pela Formação, eu decidi entrevistá-los e mapear o que os levou ao sucesso.

Entenda-se Sucesso como o Treinador que atinge o objetivo da época ao qual foi proposto, sem ser despedido, e com os resultados esperados de:
___Ser Campeão,
___Subir de Divisão,
___Surpreender nos 5 primeiros lugares, ou
___Garantir a Manutenção o mais rapidamente possível.

Claro que, se estivermos a falar na Formação de Atletas, o sucesso está no desenvolvimento de atletas, e na capacidades de os ajudar a escalar ao próximo escalão favorecendo o seu crescimento individual.
Mesmo assim, se um treinador estiver mal classificado, é possível que não se aguente e seja despedido pelo clube, daí a importância de desenvolver individualmente atletas, mas também a equipa, obtendo resultados individuais e coletivos num clima de vitória.

Quando Mapeei o que dá sucesso a um Treinador na sua carreira, comecei a entender que existem 4 Áreas Principais na Atividade de um Treinador.


Começo pela Principal Atividade que é a Metodologia de Treino.

A Metodologia de Treino é a Área que permite ao Treinador preparar os seus atletas para a competição. A Metodologia de Treino tem como objetivo máximo, o acelerar de aprendizagens do atleta, face aos problemas colocados no jogo, para que atinja os 2 objetivos coletivos, marcar golo e não sofrer golo.

Quando um treinador tem uma metodologia que consegue acelerar as aprendizagens dos atletas, então temos esta área num bom caminho. Se não tiver, então precisa de melhorar neste aspeto, para ajudar os seus atletas a terem os resultados pelos quais irá ser avaliada a sua competência, como treinador.

Como pode saber se tem uma boa metodologia?
É simples, existem 5 níveis a que pode treinar uma equipa, cada nível equivale a um conjunto de pontos, veja em que nível se encontra:

1 - Físico - treino com o objetivo principal uma ou várias qualidades físicas (força, resistência, velocidade).
Este tipo de treino, também pode conter condicionantes mentais, mas não são vistos como objetivo principal do treino.

2 - Técnico - treino com o objetivo principal o desenvolvimento da técnica individual do atleta (passe, receção, remate, cruzamentos, etc.).
Este tipo de treino, também pode conter condicionantes físicas e mentais, mas não são vistos como objetivo principal do treino.

3- Tático - treino com o objetivo principal os princípios táticos individuais, ou seja, o desenvolvimento individual da tática do atleta, num contexto coletivo.
Este tipo de treino, também pode conter condicionantes físicas, técnicas e mentais, mas não são vistos como objetivo principal do treino.

4 - Estratégico - treino com o objetivo principal, os princípios estratégicos coletivos, ou seja, o desenvolvimento da equipa através de comportamentos dos setores, intra-setorial, e inter-setorial.
Este tipo de treino, também pode conter condicionantes físicas, técnicas, táticas e mentais, mas não são vistos como objetivo principal do treino.

5 - Comportamental - treino com o objetivo principal, a regulação dos estados emocionais que não bloqueiem os comportamentos estratégicos, táticos, técnicos e físicos.
Os comportamentos dos níveis anteriores são vistos como recursos para atingir objetivos do treino e não como o objetivo do treino.

Identifique agora em que nível se encontra a sua metodologia.
Multiplique esse nível por 20x, e ficará com um número entre 20 e 100%.


O Treinador que tem uma Excelente Metodologia, pode mesmo assim, perder com um treinador que tem uma metodologia média, e porquê?

Porque o potencial da Metodologia está dependente da 2ª área da Atividade do Treinador, a Liderança.

A Liderança de Equipas é a área que permite ao Treinador ter Atletas envolvidos com a época desportiva, que tenham compromisso, e que se mantenham motivados ao longo da época. É também a área que permite a diminuição dos problemas de azias, má disposição por não ser titular, e a forma como se desenvolvem os ambientes propícios à aprendizagem da Metodologia.

Como pode saber se tem uma boa Liderança de Equipas?
Responda sim ou não às seguintes questões:

1- Tem atletas que não foram escolhidos por si ou, que não passaram por um processo de seleção antes de serem escolhidos ou, que foram impostos pelo seu clube? (baixo relacionamento consigo)

2- Tem atletas com expetativas não realistas sobre as suas próprias competências, ou que amuam com a convocatória ou titularidade (baixa perceção coletiva)?

3- Tem atletas que chegam atrasados ou não vão ao treino e não avisam com antecedência (baixo comprometimento)?

4- Tem atletas que enquanto está a falar no balneário não o ouvem com total atenção (baixo interesse)?

5- Tem atletas que depois de explicar um exercício, não fazem logo o que é pedido ou demoram algum tempo (baixa concentração)?

Ok, agora conte o número de NÃO's que tem, e multiplique por 20x.
Por exemplo, se teve 4 NÃO's" então ficará com uma liderança de nível 80.

Se ainda não treinou uma equipa, responda sim ou não, como aquilo que acha que consegue fazer.


A Relação entre as 2 Variáveis:
Metodologia de Treino e a Liderança de Equipas

Agora imagine que tem uma metodologia TOP, de nível 80, e uma liderança Baixa de nível 20, é normal, vir a perder com um treinador que tem uma Metodologia mais baixa, de nível 60 e uma Liderança mais alta, de nível 60.

É por isso, que nem sempre ser o Melhor na Metodologia ou ter uma Metodologia muito boa na sua Tática, o irá levar a ganhar jogos e atingir o sucesso no final da época.

Se quer ter sucesso, desenvolva-se também na sua Liderança de Equipas.



Mas nada disto servirá se não tiver uma equipa para ser treinador.
É por isso, que uma outra área é a Influência na Carreira.

A Influência na Carreira é a área que permite ao treinador, ter um maior controlo sobre as propostas que recebe. É a área que leva o treinador a ter consciência que ele não define a proposta que lhe aparece, mas ele influência o tipo de propostas que podem vir a aparecer.

É a área que dá ao Treinador a noção que ele tem controlo sobre uma parte, e que deve fazer a sua parte para que seja fácil entrar num clube quando precisar, ou se se quiser manter por muito mais tempo.

Como pode saber se tem uma boa Influência na Carreira?
Responda sim ou não às seguintes questões:

1- Sabe identificar quais os clubes que quer entrar?

2- Sabe como descobrir as necessidades dos clubes onde quer entrar?

3- Sabe como mostrar que tem competência para as necessidades dos clubes onde quer entrar?

4- Sabe como reforçar a sua competência para que acreditem no seu método?

5- Saber como desfazer as objeções dos clubes nas propostas que lhe apresentam?

Para avaliar a sua Influência na Carreira, identifique qual o nível, de 1 a 5, onde parou com um "NÃO". Mesmo que tenha um sim, no nível 4, se tem um NÃO no nível 2, então o seu nível é um 2.

Multiplique o seu nível por 20x e terá a % do seu potencial nesta área, neste momento.


Agora a última das 4 áreas que é a Confiança do Treinador.

A Confiança do Treinador é a área que permite ao Treinador, assumir um maior controlo sobre si mesmo, tomar melhores decisões em competição, escolher os conteúdos adequados para se desenvolver em cada etapa da sua vida, e entrar com toda a força em qualquer projeto, desde o inicio até ao fim.

Existem 5 etapas que retiram a força e a clareza com que um treinador está num determinado momento. Portanto, se sente que tem uma vitalidade fantástica, ou se se sente fraco, a rastejar em qualquer ação na sua carreira, existe um motivo para isso.

Descubra aqui, onde se encontra o problema de ter perdido força ou falta de clareza.

1- Não saber de forma clara a importância do objetivo pelo qual faz a ação, e portanto, enfraquece a sua ação do momento.

2- Não saber a estratégia ajustada e mais produtiva para chegar ao seu objetivo.

3- Achar que a tarefa ou o esforço necessário está acima das suas capacidades.

4- Achar que, o que irá receber no final da ação, não é para si, porque não merece uma coisa tão boa. Ou pensa que merece coisas piores do que aquilo que vai alcançar.

5- A opinião dos outros é superior à sua opinião sobre si mesmo.

O nível da sua força e confiança é a soma de SIM's.
Se teve 5 SIM's então significa que tem total clareza, e está a alta velocidade atrás do seu objetivo. Se tem pelo menos um NÃO, significa que, ou paralisou ou perdeu força diária sobre o seu objetivo.

Às vezes chega apenas um NÃO para paralisar mesmo um Treinador. Mesmo assim, encontre o nível da sua força, multiplicando o número de SIM's por 20x.

Assim, se tem 3 SIM's, está a 60% (3x 20) da sua força e confiança pessoal.


Por fim, depois de sabermos as variáveis do treinador de sucesso, precisamos de aprofundar como é que essas variáveis se relacionam umas com as outras numa fórmula que o ajude a ter sucesso.

Ou seja, é como uma equipa.
Uma coisa é conhecer individualmente cada atleta e o seu potencial, outra coisa é saber que eles se relacionam e, que essa relação entre eles, pode "disponibilizar" ou "prender" o potencial de uma equipa.

Já vimos como é que a Metodologia e a Liderança se podem relacionar. Mas as 4 áreas relacionam-se entre si, formando a fórmula que facilita o sucesso do treinador.

Saber como elas se relacionam, e como desenvolver o potencial da sua % em cada uma, ajudá-lo-á a atingir o seu maior potencial como Treinador.

Mas melhor que tudo, ajudá-lo-ão a evitar que seja despedido, diminuirá a sua ansiedade e terá Clareza na resolução dos problemas na Prática como Treinador.

Quer saber como pode evitar ser Despedido, diminuir a sua ansiedade e ter Clareza para resolver problemas na Prática como Treinador?